Quem Tem Direito ao Vale Gás 2019: Como conseguir?


Vem cá, você já ouviu falar no vale gás? Sim, um benefício que facilita a compra do seu gás de cozinha para a sua casa! Confira a seguir mais informações sobre esse benefício que pouca gente conhece e saiba quem direito a tê-lo.

Publicidade

Vale Gás

O que é o Vale Gás?

O Vale Gás é apenas um nome novo e que foi readaptado de um outro benefício que era disponibilizado aos brasileiros. Por volta de 2001, o Governo Federal criou o programa Auxílio Gás, que oferecia condições especiais para famílias de baixa renda poderem comprar gás de cozinha para as suas casas.


Porém, esse programa durou pouco, pouco menos 2 anos, e desde 2003 ele passou a ser um dos benefícios inclusos do programa geral do Bolsa Família, o qual é destinado a minimizar problemas relacionados à miséria e pobreza no Brasil, que perdura até os dias atuais.


O que antes funcionava como um auxílio único de R$15 reais a cada 2 meses destinados à compra do gás, se transformou num benefício incluso no cálculo do Bolsa Família, sendo pago mensalmente a partir de então.

Quem tem direito ao Vale Gás?

Antigamente, as famílias precisam comprovar suas rendas de até metade de um salário mínimo para terem direito ao Vale Gás. Agora, como é um benefício que faz parte do Bolsa Família, só tem direito ao Vale Gás as famílias que cumprem os requisitos exigidos pelo programa principal. Confira a seguir quem tem direito ao Bolsa Família e, consequentemente, ao Vale Gás incluso:

– Famílias consideradas pobres que tenham renda mensal bruta de valor entre R$85,01 a R$170 reais por pessoa dentro de casa; sendo considerada uma família pobre aquela que tem gestantes, crianças ou adolescentes com idades entre 0 e 17 anos;

– E também famílias de extrema pobreza que possuem uma renda bruta estimada de até R$82 reais por pessoa.

Publicidade

Existem outros requisitos para tais famílias serem aprovados no programa, como manter em dia carteirinha de vacinação de crianças, frequência escolar boa de crianças e jovens, participação de nutrizes em programas de alimentação saudável, gestantes com consultas pré-natal em dia, dentre outros pontos importantes.

O benefício básico do Bolsa-Família, que inclui o Vale-gás, conta com um valor de R$85 reais; para cada criança e adolescente de 0 a 15 anos, um valor de R$39 reais por pessoa; e para jovens cadastrados, sendo até 2 por ambiente familiar, um valor de R$45 reais por pessoa.

Como se cadastrar no Bolsa-Família para receber o Vale-gás?

O benefício do Bolsa-Família pode ser adquirido pelas famílias que seguem os requisitos básicos do programa do governo em apenas 3 etapas.

Publicidade

A primeira é fazer um cadastro no órgão responsável pelo Bolsa-Família na sua cidade, que geralmente são grupos de assistência social como o CRAS – Centro de Referência da Assistência Social.

E então, a partir desse cadastro, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome seleciona as famílias corretamente cadastradas; a partir da aprovação, tais famílias passam a receber o benefício por um cartão magnético, podendo sacar nas agências da Caixa Econômica Federal mensalmente.