Estilo colonial: Principais características, Estilo brasileiro, espanhol e mais!

O estilo colonial representa nossa história! Lembra das aulas nas quais falávamos sobre a colonização entre países? Saiba que a chegada dos países europeus no Brasil trouxe um mix rico de estilos e tendências culturais que até influenciou na decoração e arquitetura local.

Esse estilo foi tão marcante que até hoje é usado das casas mais simples às mais rebuscadas. Confira a seguir as principais características do estilo colonial e conheça suas adaptações e formas de decorações.

Estilo colonial

Principais características do estilo colonial padrão e simples

  1. A principal característica do estilo colonial é a presença do rústico predominando o ambiente, desde mobílias a tons de cores e tecidos;
  2. As mobílias mais utilizadas são de madeira e aspecto antiquado, não necessariamente velhas, além de ferros na combinação;
  3. O toque decorativo histórico também faz parte do ambiente, seja um quadro, um móvel herdado ou qualquer outro objeto rico em detalhes e história ligados a ele;
  4. Os móveis costumam ter design vitorianos, com detalhes rebuscados e detalhados;
  5. Dos materiais mais comuns estão madeira, couro, tecidos macios, ferro, pedras duras e escuras, louças antigas, cerâmica, azulejo e afins;
  6. Da paleta de cores mais utilizadas temos a predominância de tons suaves, como tons terrosos e quentes, creme, branco e naturais como verde e azul;
  7. Quanto à estrutura e arquitetura do ambiente, prevalece o amplo e iluminado naturalmente, onde grande janelas, portas e entradas de luz são valorizadas, principalmente nas áreas sociais da casa;

Estilos coloniais e inspirações:

  1. Estilo colonial brasileiro

O estilo colonial brasileiro foi uma adaptação ao estilo europeu, principalmente eliminando o que não condiz às tradições e decorações brasileiras.

As principais influências originais são as inspirações em ocas indígenas, abrigos de pescadores e decorações rústicas mais tradicionais, nas quais a alma do brasileiro está presente e traz os traços da história do país. A arquitetura ganha visual aconchegante, bem iluminado e receptivo.

Arquitetura colonial na cidade de Ouro Preto.
Arquitetura colonial na cidade de Ouro Preto.

  1. Estilo colonial americano

Ainda mais comum em territórios americanos, o estilo colonial também tem seu mix de arquitetura e decoração com a América.

São ambientes ainda mais sofisticados, mantendo a madeira como protagonista, com móveis de design maciço e sem ornamentos desnecessários, incluindo camas, aparadores, cômodos e tudo mais.

Estilo colonial americano

  1. Estilo colonial mineiro

O estilo colonial mineiro é justamente o estilo que predomina nas tradicionais casas de Minas Gerais, mais presentes nos interiores e cidades históricas.

De decoração e arquitetura inspiradoras, esse estilo conta com a predominância da madeira no ambiente, grandes janelas e portas, natureza para todo lado em vasos e jardins, além de remeter à vida tranquila do interior. O estilo rústico também é forte, desde a entrada da casa aos detalhes nos móveis.

  1. Estilo colonial espanhol

Esse estilo predomina das cidades e vilas do Novo Mundo e Índias Orientais, locais que foram colonizados pela Espanha no passado.

Suas características são inspiradas na base do estilo barroco, mas priorizando também rebuscamento nos detalhes e sensação de movimentos em suas formas.

Enquanto as fachadas representam sofisticação e imponência, com exagero, jogos de luzes e sombras, o interior das casas é mais simples e confortável, com móveis e materiais mais simples.

Estilo colonial espanhol Estilo colonial espanhol

  1. Estilo colonial e moderno

É justamente a adaptação desses tradicionais estilos à nossa vida moderna. Desde um móvel no ambiente à um estilo mais amplo de decoração num cômodo, é possível inserir traços característicos do estilo colonial em ambientes modernos, criando visuais únicos e exóticos.

Seja numa casa de praia ou na cidade grande, brincar com esses estilos é algo de muito bom gosto, sendo até mesmo elegante e rústico ao mesmo tempo. O que mais buscam é uma fachada tradicional, janelas amplas, uma porta cheia de expressão, telhados aparentes, áreas externas com colunas e áreas de relaxamento, dentre outras opções.

Estilo colonial e moderno

Estilo colonial na fachada

Se a sua ideia é inserir o estilo colonial apenas em detalhes, não na arquitetura por completo, uma boa forma de se expressar é através da fachada da casa.

Procure usar materiais rústicos nessa fachada, como blocos de concreto combinados à tradicional madeira maciça, trazendo um visual bem rústico à casa.

Agregue à essa entrada da casa grandes janelas, combinando madeira e vidro, além de esquadrias e portas com design expressivo.

fachada Estilo colonial

Estilo colonial na cozinha

As cozinhas coloniais são super expressivas quando a ideia é brincar com o moderno e o tradicional. Em meio a azulejos e cerâmicas nas paredes e bancadas, materiais de madeira e detalhes em ferro podem se sobressair e trazer muito estilo colonial à cozinha.

Os tijolos aparentes ou cimento queimado também fazem parte da representação rústica que pode ser inserida numa cozinha.

OS MAIS LIDOS

×