Certos remédios são tão caros, né? Essa é uma das razões para muitos brasileiros não darem continuidade em seus tratamentos e retornarem aos postos de saúde. Pelo menos existem programas como o Farmácia Popular que ajudam os brasileiros a fazerem seus tratamentos com mais facilidade de pagamento e muito menos preocupações financeiras.

Saiba mais sobre o programa da Farmácia Popular no artigo a seguir, quem tem direito, se você pode ter acesso e muito mais.

farmácia popular

O que é o Farmácia Popular?

O Farmácia Popular do Brasil é um programa criado em 2004 pelo Governo Federal em parceria com as prefeituras municipais de todo o país, que tem o objetivo de ampliar o acesso de medicamentos às pessoas por meio de farmácias, drogarias e outras redes credenciadas.

Essa necessidade surgiu da falta de continuidade que os brasileiros estavam tendo em seus tratamentos de doenças comuns, e ao facilitar o acesso a esses remédios, com grandes descontos e até mesmo gratuitamente.

Esse programa traz alívio no bolso familiar, alivia as despesas do SUS por custos de tratamento e oferece conclusão do tratamento de saúde com eficácia.

Como funciona o Farmácia Popular?

O acesso aos descontos e medicamentos gratuitos do programa pode ser disponibilizado de duas formas. A primeiras delas é pela Rede Própria da Farmácia Popular, a qual nem existe mais; eram unidades próprias administradas pela prefeitura local e governo estadual; os medicamentos e até preservativos masculinos chegavam a uma redução de até 90% no valor original.

A outra são os sistemas de co-pagamento do “Aqui Tem Farmácia Popular”, que é a única modalidade de venda em vigência no momento. Através de parcerias com redes e farmácias privadas pelo Brasil, o governo paga parte do valor do medicamento e o cliente paga o resto.

Em resumo, quando o medicamento tem preço menor que o referencial, o governo paga 90% e o cliente 10%; e quando é igual ou maior que o preço referencial, o governo paga 90% do valor de referência e o cliente paga a diferença restante.

Alguns remédios de tratamentos de certas doenças podem sair gratuitos, como para dislipidemia, doença de Parkinson, glaucoma, osteoporose e rinite.

A compra com o desconto pode ser feita após uma checagem dos dados do paciente e da receita do medicamento solicitado. No final da venda, o cidadão recebe um cupom fiscal e um outro cupom vinculado, este que deve ser assinado obrigatoriamente e preenchido com o endereço do cliente.

Como participar do programa Farmácia Popular?

Todos os brasileiros podem participar do Farmácia Popular, não sendo nem mesmo necessário nenhum tipo de cadastro. Não precisa ter plano de saúde nem ser paciente do SUS para usufruir o benefício, afinal é algo público.

Basta você chegar numa rede ou farmácia credenciada com o programa, que tenha a sinalização “Aqui tem Farmácia Popular” no local, com sua receita médica, documento com foto e seu CPF. Lembrando que a sua receita deve estar ainda válida, com assinatura do médico e datas válidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here