Originalmente, os biombos foram criados para serem painéis que delimitam espaços em residências; também eram bastante usados para facilitar trocas de roupas em espaços criando um tipo de privacidade ao canto do ambiente.

Mas atualmente, os biombos viraram um “must have” nas decorações principalmente românticas e provençais, mantendo a ideia de divisória sem necessidade de construir paredes, com mais movimento e oferecendo um ar decorativo ao ambiente.

Quer saber mais sobre decoração com biombo? Só seguir na leitura!

Decoração com biombo

Um dos mais queridinhos: Biombos de madeira

Os biombos de madeira tradicional ou MDF são lindas propostas decorativas no ambiente. Dependendo do estilo da madeira em que for feito, cabe muito bem em vários estilos de decoração!

Quanto mais rústico for o acabamento feito na madeira, mais esse biombo vai remeter as decorações campestres; já se for uma madeira lisa, bem polida, feito de MDF colorido, o ar fica mais moderno e o biombo entra cheio de estilo.

Inspirações:

Diferentes utilidades para biombos:

Fotos de biombos para separar ambientes

Ideal para separar ambientes integrados, tendo como grande vantagem sua mobilidade, podendo ser mudado sem necessidade de reformas e quebradeiras. Mesmo tendo essa função, ainda permanece com a ideia decorativa em alta, então combine bem com os ambientes integrados!

Inspirações:

Fotos de biombos como quebra-luz

Quando utilizados próximos a janelas, os biombos têm a função de diminuir parcialmente a intensidade de iluminação no ambiente, sem a necessidade de vedar ou fechar a janela. A quebra da luz valoriza a decoração e gera mais conforto.

Inspirações:

Fotos de biombos como painéis decorativos

E se a intenção for puramente decorativa, pode? Pode também, é claro! O biombo pode ser um complemento na decoração do ambiente. São boas ideias: atrás da cabeceira de uma cama, atrás do sofá, atrás de um apoiador ou simplesmente num cantinho que precise de um toque de cor e bom gosto.

Dica: Ele ainda pode disfarçar temporariamente alguma imperfeição na casa enquanto não é arrumada, como uma rachadura na parede!

Inspirações:

Elegante e apaixonante: Decoração provençal com biombo

Biombos podem ser de qualquer estilo, cor ou material, desde uma madeira envelhecida na cor branca, como um material mais fininho e translúcido de um tecido, você quem manda.

Mas saiba que um dos mais queridinhos são os biombos no estilo de decoração provençal, que misturam um ar mais romântico com vintage, além de abraçar os tons claros e florais e ter um design esculpido em curvas clássicas.

Inspirações:

DIY: Como fazer biombos decorativos?

E que tal fazer você mesmo lindos biombos decorativos? Você pode usar para dividir espaços, atrás de apoiadores, próximo ao cabideiro, em qualquer cantinho agradável da casa! A seguir, vamos te mostrar um passo a passo bem fácil de como fazer um lindo biombo usando isopor e outros produtos baratinhos, se liga:

Materiais necessários:

  • 9 placas de isopor de forma quadrado, daqueles mais grossinhos que tiverem na lojinha;
  • Cola para isopor;
  • Fita adesiva ou durex de espessura grossa;
  • Lápis;
  • Papel contact ou tecido para encapar o isopor na textura, cor ou desenho de sua preferência;
  • Fita de cetim na cor que combine com o papel ou tecido.

Como fazer?

– Este biombo será feito em 3 partes, cada uma com 3 placas de isopor; portanto, cole um isopor no outro criando um sentido vertical com a cola de isopor; ao final você terá 3 grandes placas;

– Reforce com durex grosso entre as juntas onde colou um isopor no outro;

– Com o lápis, faça furos nos lados de cada placa, cerca de  1 a 2 por placa; esses furos serão importantes para juntar as divisórias com fitas, criando o efeito sanfona;

– Encape todas as placas de isopor no papel ou tecido da sua preferência; é só cortar sob medida, fazendo os acabamentos necessários com durex ou agulha e linha;

– Novamente com o lápis, faça os mesmos furinhos onde você fez diretamente no isopor; se o tecido for muito grosso e o lápis não conseguir atravessar, tente atravessar o tecido com a ponta de uma tesoura, mas cuidado para não se machucar;

– Una as placas de isopor com o cetim, fazendo pequenos nozinhos entre os pontos; não amarre muito forte, pois pode dificultar a abertura e fechamento das placas entre si.

– Prontinho! Agora é só decorar.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here